Salmo 137 (138) – Na presença dos Anjos Vos louvo e agradeço

De todo o coração graças Vos quero dar,

ouvir minhas palavras  foi do Vosso agrado.

Na presença dos anjos Vos hei-de cantar

e adorar, para o Vosso templo santo voltado.

.

Vosso Nome eu louvo pela Vossa bondade,

pois Vossa promessa a Vossa fama supera.

Quando eu gritei, Vós me destes tranquilidade

aumentando a força que no meu ser se gera.

.

Todos os reis da terra Vos hão-de louvar,

eles ouvem vossa promessa já  emitida,

Vossos caminhos não deixarão de cantar,

porque a Vossa glória é grande e merecida.

.

Aceita o humilde no Seu grupo de amigos.

Conservais-me a vida no meio da aflição.

Vós me enviais ajuda contra os meus inimigos,

pois da Vossa direita  vem a  salvação.

.

O Senhor completará o que começou

a fazer por mim certo dia, em meu favor;

a Vossa bondade é eterna, pois não mudou,

não abandoneis a Vossa obra, Senhor!

.

Ezequiel Miguel

Você sabe o que é a Igreja Católica?

BasilicaNão há ninguém na Terra que possa explicar-lhe cabalmente o que é a Igreja, porque ela é um mistério e os mistérios são mais para aceitar do que para compreender. É mistério porque ela nasceu da própria iniciativa de Deus e a inteligência humana não tem capacidade para penetrar nos Seus desígnios, que são insondáveis. Esta iniciativa, nascida do Amor de Deus pelo homem, destina-se a levar à Salvação Eterna todos os homens que vierem a entrar nela e se deixem conduzir pela Verdade que Deus lhe confiou e usem os meios que Ele pôs à sua disposição, a saber: aceitação e defesa das Verdades da Fé, a graça obtida pela prática frequente e convicta dos Sacramentos, o cumprimento dos Mandamentos da Lei de Deus.

O Catecismo do Papa Pio X define a Igreja assim: “É a sociedade do todos os baptizados que crêem e professam a Fé e a Doutrina de Jesus Cristo, participam dos mesmos Sacramentos e reconhecem por Vigário de Cristo na Terra o Sumo Pontífice Romano “. É uma sociedade visível e invisível, espiritual e material, divina e humana, celeste e terrena, santa e pecadora, temporal e eterna. Mas esta Instituição divina e misteriosa é por vezes referida com outros nomes, que de algum modo a explicam na sua essência ou na sua finalidade. Assim, já leu ou ouviu expressões como: Reino de Deus, Povo de Deus, Família de Deus, Novo Israel, Casa de Deus, Cidade de Deus, Nova Jerusalém, Nova Aliança, Nova Criação, Reino dos Céus, Corpo Místico de Cristo, Povo de Sacerdotes, Reis e Profetas, Assembleia Santa, Nação Santa, Esposa de Cristo, Noiva de Cristo, Rebanho de Cristo, Esposa do Cordeiro, Templo de Deus, etc. Cada um destes nomes tem justificação, pois se referem às muitas facetas da própria Igreja, todas coincidentes no sentido profundo que se oculta por trás dos nomes. Mesmo assim, espremendo tudo o que estas designações podem fornecer, não é suficiente para se compreender o que é a Igreja.

A Igreja é a Construção Divina por excelência, a organização mais perfeita entre os homens, o Castelo mais seguro, o Baluarte mais firme da Verdade, o Banco mais rico dos valores eternos que oferece a maior taxa de juros, a Barca onde cabem todos os seres humanos, o Laboratório que transforma todos os homens em irmãos e filhos do mesmo Pai, o Farol que ilumina todas as nações e todas as actividades humanas, a Central mais simples e eficaz de Comunicações entre Deus e os homens, os homens e Deus, o universo e Deus, por meio do homem. A Igreja é a Fonte inesgotável da Santidade, a Lavandaria da miséria moral, Mãe Solícita, Mestra da Verdade, Cofre da Revelação Divina, o Transporte mais seguro para a Eternidade, a Fortaleza inexpugnável que resiste a todos os ataques do Inferno e dos inimigos externos e internos. Lembre o que Cristo disse: “Esta é a minha Igreja e as portas do Inferno não levarão a melhor sobre ela”(Mat. 16,18).

Amemos a nossa Igreja apaixonadamente, servindo-a no que pudermos, praticando o que ela ensina, defendendo a Verdade, santificando-nos para tornar os seus membros mais santos, salvando-nos para salvar outros.

 .

 Ezequiel Miguel

Salmo 66 (67) – Todos os povos Vos louvarão

Deus lance sobre nós Sua compaixão,

volte para nós Seu Rosto sereno,

dai a conhecer a Vossa Salvação

a quem percorre o caminho terreno.

.

Conhecendo os povos a Salvação,

todas as nações Vos hão-de louvar,

com Vossa equidade se alegrarão,

porque toda a Terra sabeis julgar.

.

Regeis com justiça as nações da Terra

e esta dá por todo o lado seus frutos,

pois Tua bênção fundo nela se enterra,

germinando em louvores impolutos.

.

Que o Senhor a todos nos abençoe,

que O ouçam aqueles que não O ouvem,

que dos confins da Terra o louvor voe,

todos os povos e nações O louvem.

.

Ezequiel Miguel

Assunção da Virgem Maria ao Céu

Assuncao17Na eternidade fora pensada

para ser única, diferente,

pelo Espírito santo marcada

com Seus traços no corpo e na mente.

.

Deus A escolheu para ser a Mãe

Sua, também de todos os humanos;

se Filha de Deus ao mundo vem,

como Sua Mãe cabe nos seus planos.

.

Se, um dia, o Filho de Deus gerou,

pela promessa da Anunciação,

durante a vida O acompanhou,

como na Morte e Ressurreição.

.

Isenta da mancha original,

também do tributo do pecado,

a Morte respeitaria umbral

que pela Graça fora selado.

.

Assim sendo, pôde Ela escolher

como gostaria da Terra sair:

Imitar o Seu Filho e morrer

ou em vida para o Céu partir?

.

Mas, sendo do Filho imitadora,

outra alternativa não queria:

sendo dos homens co-redentora,

também pela morte passaria.

.

Sendo Maria a humana excepção,

desta excepção não tirou partido,

assim cumprindo uma obrigação

por um dever não atribuído.

.

Por ser a Virgem Imaculada,

isenta da culpa original,

foi em Corpo e Alma ao Céu elevada

para ser Rainha Celestial.

.

A Árvore na Terra nascida,

no Paraíso foi transplantada,

continuando a dar frutos de Vida,

porque em Deus para sempre enxertada.

.

Ezequiel Miguel

Hino dos resgatados (Is 12)

exodoCantarás naquele dia: ”Dou-te graças, Senhor,

porque estando contra nós em irritação,

aplacaste a ira e mostraste o teu Amor.

Este é o Deus que me concede a salvação,

estou confiante e nada me causa temor.

.

O Senhor é a minha força e o meu canto,

é a Ele que eu agradeço a minha vitória;

Ele, o Deus paciente, esteve atento ao meu pranto,

eu O honro e louvo pela sua imensa glória,

porque o Senhor dos exércitos é Deus santo.”

.

Jorrará água das fontes da salvação.

Naquele dia havereis todos de cantar:

“Louvai o Senhor, invocai-O com devoção,

as Suas obras entre os povos ide anunciar,

proclamai excelso o Seu Nome na vastidão!

.

Ao Senhor, pelas suas maravilhas, cantai

e por todo o mundo as dareis a conhecer!

Habitantes de Sião, de alegria exultai,

todos os povos O devem enaltecer,

a grandeza do Santo de Israel proclamai”!

.

“Como é grande no meio de ti o Santo de Israel”!

.

Ezequiel Miguel

Resposta a Enigmas bíblicos VI – (Anúncio de herdeiro a Abraão)

(Confira: Génesis. Cps. 17 e 18)

AbraãoOs planos de Deus relacionados com o futuro povo de Israel passavam pela sucessão de Abraão, a quem Deus já prometera constituí-lo pai de muitos povos e nações, tendo-lhe inclusivamente destinado a terra que a sua descendência iria ocupar.

Uma promessa destas a um casal que humanamente já não podia ter filhos não deixa de ser estranha e impossível, mas, tal como o anjo Gabriel anunciou a Maria, para Deus não há impossíveis, porque Ele tem o poder de alterar todas as leis que Ele próprio instituiu e às quais submeteu todo o universo. O filho desta promessa foi Isaac, aquele que, ainda com pouca idade, foi pedido a Abraão em sacrifício, ao estilo das vítimas humanas oferecidas aos deuses pelos povos pagãos.

Não sabemos como Abraão reagiu, mas Deus teve em conta a sua íntegra fé e a sua obediência plena e consciente, vindo a ser considerado o pai de todos os crentes, incluindo nestes os Judeus, os Cristãos e os Árabes. Há um filme sobre a Bíblia em que Abraão aparece, com um punho levantado para o céu, a questionar Deus: “Porque me pedes isso? Prometeste-me fazer de mim pai de povos e nações e agora quebras a aliança e todas as promessas”? etc. Não é de crer que tenha sido assim. Terá sido apenas um estratagema do realizador para introduzir mais tensão na cena. A propósito de factos inverosímeis costumamos dizer: “Só no cinema”! Além do mais, se ele se tivesse revoltado não seria considerado modelo a imitar. S. Paulo diz que a sua fé foi tida em conta na sua justificação.

Quanto às perguntas: Porque não puniu Deus a dúvida ou incredibilidade de Abraão e de Sara, pois ambos se riram (interiormente) da promessa de um filho daí a um ano, apesar dos 100 anos de Abraão e dos 90 de Sara? Além disso, também Sara mentiu, ao ver-se apanhada na dúvida e no riso da incredulidade, sendo claro que não levou a sério tal promessa, por a achar totalmente impossível.

A minha explicação é esta: Abraão e Sara eram pagãos e ainda não havia nenhuma lei moral que os obrigasse a acreditar fosse no que fosse. Também não é fácil saber até que ponto fizeram algo de errado, pois Deus não os puniu por sua incredulidade, sinal de que não lhes atribuiu nenhuma culpa. Apenas uma leve censura a Sara, por ter mentido, talvez por uma reacção repentina, espontânea e momentânea, como acontece quando se é apanhado em flagrante em algo que não deveria ter sido feito.

Artigos relacionados:

. Enigmas bíblicos I – Nascimento de João Baptista

. Resposta a “Enigmas bíblicos I” – Nascimento de João Baptista

. Enigmas bíblicos II – Perda e encontro de Jesus no Templo

. Resposta a “Enigmas bíblicos II “– Perda e encontro de Jesus no Templo

. Enigmas bíblicos III-Moisés e a água do rochedo

. Resposta a “Enigmas bíblicos III”-Moisés e a água do rochedo

. Enigmas bíblicos IV – Moisés e a água do rochedo

. Resposta a “Enigmas bíblicos IV” – Moisés e a água do rochedo

. Enigmas bíblicos V – Um anjo dizima 185.000 soldados assírios

. Resposta a Enigmas bíblicos V – Um anjo dizima 185.000 soldados assírios

. Enigmas bíblicos VI – Anúncio de herdeiro a Abraão

.

Ezequiel Miguel

Vinde e comei ( Cf. Is. 55, 1-3)

comungar03Vós que tendes sede o dia inteiro,

vinde às águas que brotam de Mim!

Se não tendes, para gastar, dinheiro,

levai sem pagar, mesmo assim!

.

Comprai e levai em quantidade,

sem dinheiro e nenhuma despesa,

meu vinho e leite de qualidade!

Não tenhais vazia a vossa mesa!

.

Porque gastais o vosso dinheiro

em coisas de onde não vem pão?

Porque não levais do meu Celeiro

o trigo que os outros não vos dão?

.

Tratai de escutar a minha voz

e comereis daquilo que é bom!

Eu sou manjar para todos vós…

Sabereis que Deus é vosso Dom.

.

Prestai-me, vós todos, atenção,

vinde lestos ter comigo já,

escutai-me, comei do meu Pão

e a vossa alma reviverá!

.

Ezequiel Miguel

Previous Older Entries

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.