O que é a Igreja?

Não há ninguém na Terra que possa explicar-lhe cabalmente o que é a Igreja, porque ela é um mistério e os mistérios são mais para aceitar do que para compreender. É mistério porque ela nasceu da própria iniciativa de Deus e a inteligência humana não tem capacidade para penetrar nos Seus desígnios, que são insondáveis. Esta iniciativa, nascida do Amor de Deus pelo homem, destina-se a levar à Salvação Eterna todos os homens que vierem a entrar nela e se deixem conduzir pela Verdade que Deus lhe confiou e usem os meios que Ele pôs à sua disposição, a saber: aceitação e defesa das Verdades da Fé, a graça obtida pela prática frequente e convicta dos Sacramentos, o cumprimento dos Mandamentos da Lei de Deus.

O Catecismo do Papa Pio X define a Igreja assim: “É a sociedade do todos os baptizados que crêem e professam a Fé e a Doutrina de Jesus Cristo, participam dos mesmos Sacramentos e reconhecem por Vigário de Cristo na Terra o Sumo Pontífice Romano “. É uma sociedade visível e invisível, espiritual e material, divina e humana, celeste e terrena, santa e pecadora, temporal e eterna. Mas esta Instituição divina e misteriosa é por vezes referida com outros nomes, que de algum modo a explicam na sua essência ou na sua finalidade. Assim, já leu ou ouviu expressões como: Reino de Deus, Povo de Deus, Família de Deus, Novo Israel, Casa de Deus, Cidade de Deus, Nova Jerusalém, Nova Aliança, Nova Criação, Reino dos Céus, Corpo Místico de Cristo, Povo de Sacerdotes, Reis e Profetas, Assembleia Santa, Nação Santa, Esposa de Cristo, Noiva de Cristo, Rebanho de Cristo, Esposa do Cordeiro, Templo de Deus, etc. Cada um destes nomes tem justificação, pois se referem às muitas facetas da própria Igreja, todas coincidentes no sentido profundo que se oculta por trás dos nomes. Mesmo assim, espremendo tudo o que estas designações podem fornecer, não é suficiente para se compreender o que é a Igreja.

A Igreja é a Construção Divina por excelência, a organização mais perfeita  entre os homens, o Castelo mais seguro, o Baluarte mais firme da Verdade, o Banco mais rico dos valores eternos que oferece a maior taxa de juros, a Barca onde cabem todos os seres humanos, o Laboratório que transforma todos os homens em irmãos e filhos do mesmo Pai, o Farol que ilumina todas as nações e todas as actividades humanas, a Central  mais simples e eficaz de Comunicações entre Deus e os homens, os homens e Deus, o universo e Deus, por meio do homem. A Igreja é a Fonte inesgotável da Santidade, a Lavandaria da miséria moral, Mãe Solícita, Mestra da Verdade, Cofre da Revelação Divina, o Transporte mais seguro para a Eternidade, a Fortaleza inexpugnável que resiste a todos os ataques do Inferno e dos inimigos externos e internos. Lembre o que Cristo disse: “Esta é a minha Igreja e as portas do Inferno não levarão a melhor sobre ela”(Mat. 16,18).

Amemos a nossa Igreja apaixonadamente, servindo-a no que pudermos, praticando o que ela ensina, defendendo a Verdade, santificando-nos para tornar os seus membros mais santos, salvando-nos para salvar outros.

Ezequiel Miguel

Anúncios

5 comentários (+add yours?)

  1. Trackback: Sola Fide, sola Scriptura – I « Deus, Bíblia e Poesia
  2. Trackback: Sola Fide, sola Scriptura? – II « Deus, Bíblia e Poesia
  3. Trackback: Sola Fide, sola Scriptura ? – III « Deus, Bíblia e Poesia
  4. Trackback: Você sabe o que é a Missa? – I | Deus, Bíblia e Poesia
  5. Trackback: A BARCA DA VIDA | Deus, Bíblia e Poesia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: