Salmo 84 (85) – Oração pela Paz e pela Justiça

Ano B, Domingo XV do Tempo Comum

.

Terra

Esta é a Tua terra, Senhor, que abençoaste,

deste novo rumo aos destinos de Jacob,

os pecados do Teu povo já perdoaste

e as suas iniquidades reduziste a pó.

.

Já reprimiste todo o Teu justo furor,

a Tua inflamada ira descomprimiste,

volta para nós o Teu Rosto, ó Senhor,

depois que toda a nossa miséria já viste.

.

Ficarás para sempre connosco irritado?

Por quanto tempo vai a Tua ira durar?

Não estejas para nós de costas voltado,

dá vida ao Teu povo para em Ti se alegrar.

.

Faz com que nossos olhos vejam Teu amor

e não vás recusar-nos a Tua salvação;

ouçamos o que ao Seu povo diz o Senhor

e aos Seus fiéis que se convertem de coração:

.

O Senhor deseja a todos de paz falar,

os que O temem têm próxima a salvação,

a Sua glória há-de para sempre habitar

na nossa terra, que os Seus amigos verão.

.

O Amor encontrou-se com a Fidelidade,

Paz e Justiça em abraço se pôde ver,

vai germinar da Terra e crescer a Verdade,

a Justiça lá do Céu também vai descer.

.

Ainda do que é bom o Senhor lhe vai dar,

fruto abundante a nossa terra há-de produzir,

a Justiça à sua frente irá caminhar

e a Paz o mesmo caminho há-de seguir.

.

Ezequiel Miguel

Anúncios

Salmo 79 (80) – Senhor, nosso Deus, fazei-nos voltar

ANO B – 1º Domingo do Advento

.

Senhor, nosso Deus, como Pastor de Israel que és,

conduzes o povo como o Teu rebanho!

À frente de Efraím, Benjamim, Manassés,

desperta a nosso favor o Teu poder tamanho!

.

Ó Deus, faz a nossa desgraça terminar,

Teu Rosto ilumina e dá-nos a salvação!

Até quando irá a Tua cólera durar

contra nós, apesar da nossa oração?

.

Com o pão das lágrimas Tu nos alimentas,

também amargo é o que nos dás por bebida,

entre vizinhos a troçar de nós nos sentas,

que em zombaria têm a sua glória divertida.

.

Desenraizaste do Egipto uma videira,

expulsaste até nações para a transplantar,

preparaste-lhe o terreno com muro à beira

e ela viu suas raízes na terra medrar.

.

A sua sombra outeiros e montes cobriu,

de seus ramos os cedros de Deus se vestiram,

as suas ramadas até mesmo o mar as viu,

suas vergônteas nas margens do Eufrates surgiram.

.

Porque destruíste os muros da vedação,

de modo a vindimá-la quem passa no caminho?

O javali encontra lá satisfação,

para os animais do campo é manjar prontinho.

.

Deus dos exércitos, aparece de novo,

protege a cepa que pela Tua mão plantaste,

olha do Céu, vê esta vinha, que é o Teu povo,

com os rebentos que para Ti revigoraste.

.

Deus dos exércitos, volta de novo a nós,

olha e vê o estado ruinoso da Tua vinha!

Protege esta videira, que pertence a Vós,

e não a deixeis entregue à erva daninha!

.

Sobre o homem que escolheste estende a Tua mão,

sobre o filho do homem que decidiste criar,

não nos afastaremos da Tua protecção,

faz-nos viver para o Teu Nome celebrar!

.

Ó Deus, faz a nossa desgraça terminar,

Teu Rosto ilumina e dá-nos a salvação!

Até quando irá a Tua cólera durar

contra nós, apesar da nossa oração?

.

Ezequiel Miguel

Salmo 22 (23) – O Senhor é meu Pastor, nada me faltará

XXXIV Domingo do Tempo Comum, Ano A

.

Pastor

O Senhor é meu pastor, nada me falta!

A verdes prados me leva a descansar,

para águas refrescantes  minha alma salta,

lá, onde as suas forças pode restaurar.

.

Ele me guia por sendas de rectidão

honra assim prestando ao Seu Nome glorioso,

se em perigos me rodear a solidão,

contra nenhum mal me deixarás medroso.

.

Mesa e refeição para mim preparais

sob os olhos atentos de quem me  espia,

com óleo a minha cabeça perfumais,

o meu cálice transborda de alegria.

.

Com a bondade e a graça eu contarei

todos os dias que a vida me conceder,

na Casa do Senhor sempre habitarei

enquanto ao Senhor agradar meu viver.

.

Ezequiel Miguel

Salmo 127 (128) – O Temor do Senhor e a felicidade no lar

Felizes os que obedecem ao Senhor

e andam em  Seus caminhos, com Ele presente!

Comerás do fruto do teu próprio suor,

assim serás feliz e viverás contente!

.

Tua esposa será como fecunda videira

na discreta intimidade  do teu lar

e teus filhos  como rebentos de oliveira

que ao redor da tua mesa verás  vicejar.

.

Assim será na sua vida recompensado

o homem que obedece e vive na Lei do Senhor.

De Sião sejas pelo Senhor abençoado,

para que vejas a riqueza e o esplendor

.

de Jerusalém todos dias da tua vida

e chegues a ver os filhos dos teus filhos.

Paz a Israel.

.

Ezequiel Miguel

SALMO 62 (63) –Vós sois o meu Deus… por Vós suspiro

ANO A – XXXII Domingo do Tempo Comum

.

Senhor, Vós sois o meu Deus e por Vós suspiro!

É por Vós que desde a aurora a minha alma anseia,

em ânsias que das minhas profundezas tiro,

como terra seca a chorar por fértil veia.

.

Para ver a Vossa glória e Vosso poder,

quero no Vosso  santuário Vos contemplar!

Vale menos a vida do que em graça viver

e com  meus lábios Vos hei-de sempre louvar!

.

Assim, eu  por toda a vida  Vos bendirei,

em Vosso louvor minhas mãos se erguerão,

com saborosos manjares me saciarei,

hinos de louvor da minha alma sairão!

.

Quando, em meu leito, para Vós voa meu pensamento,

ele me acompanha nas horas que a noite dura;

porque sois o meu refúgio no sofrimento,

sob Vossas asas é a noite menos escura.

.

A Vós, Senhor, quero permanecer unido!

Com a Vossa mão protectora me amparai!

Os que pela morte já me julgam colhido…,

esses…nas profundezas da terra os deixai!

.

Eles não serão poupados pelo fio da espada,

serão para os chacais presas apetecidas,

quando a boca dos ímpios for desactivada.

Receba Deus dos fiéis e do rei honras merecidas!

.

Ezequiel Miguel

Salmo 130 (131)- Confiança, calma e sossego em Deus…

Ano A – XXXI Domingo do Tempo Comum

.

Senhor, o meu coração não é orgulhoso

nem os meus olhos são sobranceiros, altivos;

atrás das grandezas não corro pressuroso,

de coisas altas demais não estou cativo.

.

Pelo contrário, estou tranquilo e sossegado,

como criança saciada ao colo da mãe;

tal como um menino ao colo da mãe sentado ,

assim minha alma está sossegada também.

.

Israel, espera no Senhor, agora e sempre.

.

Ezequiel Miguel

 

Salmo 23 (24) – Venha o Senhor! É Ele o Rei glorioso

ANO A – Dia de todos os Santos

.

Do Senhor são a Terra e também os ares,

o mundo e os seres que nele colocou.

Ele assentou seus fundamentos sobre os mares

e, firme, sobre as águas a consolidou.

.

Quem subirá à montanha de Sião, seguro?

Quem no Seu santuário poderá habitar?

Os de mãos inocentes e coração puro,

os que recusam  Seu Nome em vão invocar.

.

Aqueles que não atraiçoam a Verdade

que, lá no fundo, têm em seu coração;

os que  de suas almas extirpam a vaidade

e ao juramento falso sempre dizem não.

.

Estes serão pelo Senhor abençoados

e do seu Deus receberão a recompensa.

Esta é a geração dos por Deus empenhados,

dos que a Sua Face procuram sem ofensa.

.

As vossas ombreiras, ó portas, levantai,

porque é por vós que o Rei da Glória quer entrar!

E vós, ó pórticos antigos, vos alteai!

Este Senhor poderoso deixai passar!

.

Quem é o Tal Rei da Glória, forte e poderoso

que,  triunfante,  merece por vós entrar?

É o Senhor, das batalhas vitorioso,

que, para vencer, não precisa de lutar.

.

Ezequiel Miguel

Previous Older Entries